Capacitare

Cursos in Company:

Aspectos Gramaticais na Redação Empresarial II

OBJETIVO

A Capacitare, através do curso ASPECTOS GRAMATICAIS NA REDAÇÃO EMPRESARIAL – Parte II, proporcionará, ao aluno elaborar textos coesos e coerentes, a partir do emprego adequado das concordâncias nominais e verbais em redações empresariais. Para isso, estudar-se-á as regras das concordâncias, a fim de identificar a variação de sentido quando as mesmas são mal empregadas. 


PROGRAMA

1. CONCORDÂNCIA NOMINAL EM REDAÇÕES EMPRESARIAIS 
   1.1. Regras de concordância nominal 
   1.1.1. A concordância entre os determinantes e o substantivo 
   1.1.2. A concordância entre o substantivo e o adjetivo anteposto 
   1.1.3. A concordância entre o substantivo e adjetivo posposto 
   1.1.4. A concordância entre o substantivo e adjetivo na função de predicativo do sujeito 
   1.1.5. A concordância entre o substantivo e o adjetivo na função de predicativo do objeto 
   1.1.6. A concordância entre o substantivo e dois adjetivos para caracterizá-lo 
   1.1.7. A concordância entre o substantivo e adjetivo como:mesmo, próprio, anexo, incluso, quite, leso 
e obrigatório 
   1.1.8. A concordância entre o substantivo e adjetivos que podem ser, também advérbios 
   1.1.9. A concordância do adjetivo possível 
   1.1.10. A concordância de expressões composta por SER + ADJETIVO 
   1.1.11. Estudo das concordância ideológicas 


2. CONCORDÂNCIA VERBAL EM REDAÇÕES EMPRESARIAIS 
  2.1. Concordância entre o verbo e o sujeito simples 
  2.2. Concordância entre o verbo e o sujeito composto de diferentes pessoas 
  2.3. Concordância entre o verbo e o sujeito composto de substantivo coletivo especificado e não especificado 
  2.4. Concordância entre o verbo e o sujeito partitivo 
  2.5. Concordância entre o verbo e o sujeito composto por pronome de tratamento 
  2.6. Concordância entre o verbo e o sujeito composto pelo pronome relativo QUE 
  2.7. Concordância entre o verbo e o sujeito composto pelo pronome relativo QUEM 
  2.8. Concordância entre o verbo e o sujeito composto pelas expressões MAIS DE, MENOS DE DOIS, CERCA DE, entre outros 
  2.9. Concordância entre o verbo e o sujeito composto por expressões ALGUNS DE NÓS, POUCOS DE VÓS, QUAIS DE, QUANTOS DE 
  2.10. Concordância entre o verbo e o sujeito composto pela expressão GENTE 
  2.11. Concordância entre o verbo e o sujeito quando este é formado de nomes que só aparecem no plural 
  2.12. Concordância entre o verbo e o sujeito composto por expressões A MAIORIA, A MAIOR PARTE e GRANDE PARTE 
  2.13. Concordância entre o verbo e pronome interrogativo 
  2.14. Concordância entre o verbo e o sujeito quando neste há gradação entre os núcleos 
  2.15. Concordância entre o verbo e o sujeito quando este conter palavras que têm caráter de resumir, como: NADA, TUDO e NINGUÉM 
  2.16. Concordância entre o verbo e o sujeito quando os núcleos do sujeito estiverem ligados por OU 
  2.17. Concordância entre o verbo e o sujeito quando este estiver ligado pelas séries correlativas, como: TANTO . . . COMO, ASSIM . . . COMO, NÃO SÓ . . . TAMBÉM 
  2.18. Concordância entre verbo e o sujeito quando este for composto por verbos impessoais